Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog recolhe e organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

RUÍDO DO TRÂNSITO URBANO PODE PROVOCAR PROBLEMAS DE COMPORTAMENTO NA INFÂNCIA

Mäyjo, 29.05.17

Tráfego de veículos durante o dia em grande cidade brasileira.

Um novo estudo dinamarquês relaciona a exposição ao ruído do trânsito urbano a problemas de comportamento na infância, especialmente a hiperactividade ou a falta de concentração.

 

Estudos anteriores haviam já relacionado os problemas da poluição sonora com problemas de saúde na idade adulta, nomeadamente alterações de humor e ansiedade. Este novo estudo, publicado na revista científica Environmental Health Perspectives, vem agora provar que o ruído do trânsito urbano também afecta as crianças, especialmente durante as etapas mais sensíveis do seu desenvolvimento.

Na nova investigação, os cientistas quiseram averiguar se a exposição ao ruído do trânsito urbano estava associado com problemas comportamentais em crianças com sete anos. Para tal contou-se com a participação de 46.940 crianças dinamarquesas com sete anos, tendo sido reunido todo o seu historial clínico desde o nascimento à idade em questão. As questões comportamentais foram depois avaliadas através da observação e de um questionário aos pais das crianças.

“Descobrimos que uma exposição média superior de 10 decibéis ao ruído do tráfego rodoviário desde o nascimento até aos sete anos está associada a uma probabilidade 7% maior de vir a desenvolver problemas comportamentais. Verificou-se ainda um aumento de 5% e 9% na probabilidade de desenvolver hiperactividade e falta de atenção, respectivamente, e um aumento de 5% dos comportamentos anormais e 6% nas relações com os outros”, explica Jordi Sunyer, investigador que participou no estudo, à agência SINC.

Foto:  Laeti Imagens / Creative Commons